Hino

 

Ipirá, Ipirá, Ipirá
Minha linda cidade altaneira
Teus encantos são como não há,
És, em tudo, Ipirá, brasileira!

Os teus ares, teu solo ,teu povo
São o retrato fiel do Brasil
Eu me sinto feliz eu me louvo…
Sou teu filho Ipirá varonil!

Hei de sempre cantar te na vida,
Ninho augusto do meu coração,
Ipirá, minha terra querida,
Meu formoso e sagrado torrão.

Ipirá, Ipirá, Ipirá
Minha linda cidade altaneira
Teus encantos são como não há,
És, em tudo, Ipirá, brasileira!

E pensando na tua grandeza
Que teu povo trabalha e produz,
Terra amada de tanta riqueza,
Que tem certo futuro de luz…

Hei de sempre cantar te na vida
Ninho augusto do meu coração
Ipirá, minha terra querida,
Meu formoso e sagrado torrão.

Ipirá, Ipirá, Ipirá
Minha linda cidade altaneira
Teus encantos são como não há,
És, em tudo, Ipirá, brasileira!

Letra – Walter Cajazeira

Melodia – Maestro Eduardo Fonseca Ramos

 Áudio